Crie sua conta agora mesmo

e comece a administrar  sua empresa

com o MarketUP.

Contribuição mensal de MEIs sobe com aumento do salário mínimo

Contribuição mensal de MEIs sobe com aumento do salário mínimo

Em 1º de janeiro, o salário mínimo passou de R$1.100 para R$1.212. Com esse aumento, as contribuições mensais dos microempreendedores individuais (MEIs) também serão reajustadas. A partir de fevereiro, o valor referente ao INSS do Documento de Arrecadação Simplificada do MEI (DAS-MEI) será de R$60,60, correspondente a 5% do salário mínimo.

 

Atualmente, existem cerca de 13 milhões de MEIs no Brasil. O imposto mensal pago por eles é atrelado ao salário mínimo, que teve aumento de 10,18%. Por conta disso, ocorre reajuste todos os anos.

 

Os MEIs que exercem atividades ligadas ao comércio e à indústria pagam R$1 a mais referente ao ICMS (imposto sobre circulação de mercadorias e serviços). Já aqueles que atuam no segmento de serviços, pagam R$5 a mais referentes ao ISS (imposto sobre serviços).

 

O reajuste vale apenas para os boletos que vencerão a partir do dia 20 de fevereiro. O valor a ser pago até 20 de janeiro continua sendo de R$ 55.


Redação MarketUP | Fonte: G1