Últimas postagens

Ver todos

6 maneiras de reduzir os custos do negócio sem se prejudicar

Controlar o seu crescimento e manter as finanças em dia podem ser um grande desafio no final do mês

Imagine a seguinte situação: seus custos de seguros comerciais não param de aumentar, sua companhia de entregas favorita está cobrando uns 20% a mais no frete devido ao “aumento do combustível” e seu fornecedor atacadista aumentou recentemente o custo de certos produtos em 10%. E tudo ao mesmo tempo. Um terror, não é?

Infelizmente, as pequenas empresas são constantemente pressionadas pelo aumento das despesas, de um modo que controlar os custos se tornou mais importante do que nunca. As dicas a seguir vão mostrar como você pode reduzir seus custos comerciais e melhorar a sua lucratividade.

1. Diminua os custos do local

Dependendo da situação imobiliária e comercial na sua região, você poderá aproveitar os preços baixos do espaço de loja ou escritório para mover sua empresa para bairros mais baratos ou negociar com o proprietário do ponto para conseguir melhores opções de locação ou um desconto na locação.

 

2. Corte custos de pessoal

Se sua empresa tem épocas de pouco movimentação, por que não procurar formas de reduzir os custos de pessoal? Você pode, também, usar membros da família.  Por exemplo, se você tem filhos de uma idade apropriada, por que não envolvê-los no seu negócio sempre que possível? Aprender sobre negócios é uma excelente experiência para os jovens e mantém o dinheiro na família.

3. Permuta por produtos ou serviços

A permuta tem sido usada há anos como forma de trocar bens e serviços. Se sua empresa tem excesso de produtos, por que não usá-los para trocar por algum outro produto ou serviço que você precise?

Verifique as oportunidades de troca em sua área. Mas, como em qualquer relacionamento comercial, faça sua lição de casa antes de entrar em um acordo de troca com alguém que você não conhece.

Lembre-se também que, para fins fiscais, a troca entre negócios é tratada como uma transação comercial normal, ou seja, é como se você tivesse recebido pagamento pelos bens ou serviços que você forneceu – sendo considerado receita tributável.

5. Corte os custos de fornecimento

Quando se trata de custos de fornecimento por atacado, cada centavo economizado é um ganho. Se você está a frente de um negócio como um restaurante, que regularmente faz um monte de compras de suprimentos por atacado, conseguir descontos pode fazer uma enorme diferença no caixa.

Algumas pessoas acham embaraçoso pedir descontos, mas, por favor, não seja essa pessoa. Basta lembrar que você pode precisar retribuir em algum momento!

Uma maneira de aumentar suas chances de obter descontos é tornar-se popular entre os fornecedores e outras empresas, pagando suas contas em dia. 

6. Corte custos de publicidade

A maioria dos estudos realizados por grupos empresariais indica que, em média, as pequenas empresas gastam aproximadamente 5% da receita em publicidade. Esse valor pode ser substancialmente mais alto para empresas de serviços ou para empresas que estão apenas começando.

Com mais clientes on-line do que nunca, a publicidade não precisa ser cara. Comece criando uma presença online criando um website ou uma página no Facebook, por exemplo. 

Fonte: The Balance Small Business